A pedido no Fabrício Novak, estudante do curso de Gestão Pública e Desenvolvimento Regional, registro aqui este novo e promissor curso (na minha opinião) de gestão pública, no interior da região amazônica.

A universidade é nova, foi criada em 2009 e o curso foi reconhecido pelo MEC recentemente, mas já possui uma turma formada e outra em formação. Essa graduação tem quatro anos de duração.

QUER APRENDER MAIS SOBRE GESTÃO PÚBLICA?

Em relação aos outros cursos, se destaca pelo foco na desenvolvimento local ao formar um profissional que consiga adaptar políticas públicas ao nível regional e local. Em outras palavras, o conjunto de políticas e técnicas públicas acumuladas no país devem ser adaptadas para serem aplicadas ao contexto amazônico. Não dá para aplicar técnicas de desenvolvimento de incubadoras de empresa na região amazônica da mesma forma que se aplica nos Pampas do Rio Grande do Sul, são culturas diferentes, ambientes diferentes, acúmulos diferentes. Isso é realmente interessante na proposta do curso. (informação deduzida da pág. oficial do curso clique aqui para conhecer).

Como toda universidade pública, a vida acadêmica tem altos e baixos e faltam alguns professores. Mas não se preocupem, pelo menos aqui em SP também é comum faltarem professores e muitos não possuem experiência na área pública, o que acaba prejudicando o ensino. Mas é um problema nacional a se equacionar, por isso, não se preocupem em fazer o doutorado com 30 anos de idade, preocupem-se em trabalhar para no futuro terem o que ensinar.

Confesso que senti um pouco de inveja desses estudantes quando o Fabrício descreveu o curso. Por dois motivos. Primeiro porque é na região amazônica, não sei onde mais um gestor público pode ser mais útil ao país, em especial ao trabalhar as especificidades do maior tesouro do planeta. O curso não tem só importância estratégica para o nosso país, mas para a humanidade! Em segundo lugar porque, conforme o Fabrício, confundem o curso com “curso para formação de prefeitos.” Que bom!

Aqui em São Paulo é o contrário, os prefeitos nem conhecem os cursos de administração pública. Assustam-se quando descobrem que existe e quando jogamos o currículo na mesa saem correndo.

Tomara que saiam muitos prefeitos de lá UFOPA, assim como vereadores e deputados, além de grandes técnicos que cuidem de nossas riquezas!

Página oficial do curso

Página oficial da Universidade

Fotos:

Gestão Pública e Desenvolvimento Regional - Universidade Federal do Oeste do Pará
Gestão Pública e Desenvolvimento Regional – Universidade Federal do Oeste do Pará
Gestão Pública e Desenvolvimento Regional
Gestão Pública e Desenvolvimento Regional
Universidade Federal do Oeste do Pará
Universidade Federal do Oeste do Pará

 

Gostou? Muita gente não sabe dessas informações, compartilhe!

Deixe uma pergunta (ou resposta ou crítica!)